Concerto com Rita Guerra - ESGOTADO

05 march 2022
Auditório Municipal de Alcácer do Sal


ESGOTADO


O Auditório Municipal de Alcácer do Sal vai ser palco de um concerto com a conceituada artista Rita Guerra, na noite de 5 de março (sábado), pelas 21h, uma iniciativa promovida pela Câmara Municipal.

Os bilhetes podem ser adquiridos previamente (duas semanas antes do evento) no Posto de Turismo e no Auditório Municipal da cidade durante as sessões de cinema.

 


Biografia de Rita Guerra

Nasceu em Lisboa em 1967. Desde muito cedo que a sua paixão pela música foi notória. Estudou piano, mas foi a sua voz que lhe valeu a gravação do seu primeiro disco aos 22 anos. Desde então, a sua carreira não parou e é hoje considerada unanimemente como uma das maiores vozes nacionais.

Durante 20 anos foi cantora residente do maior casino da Europa (o Casino do Estoril), e em 30 de carreira gravou discos, representou Portugal no Festival da Eurovisão e fez dobragens em dezenas de filmes da Disney.

Desde 2005 que todos os seus álbuns, editados desde então, têm atingido consecutivamente o galardão de platina, ocupando os lugares cimeiros do top de vendas nacional. Em 2009, com disco “Acústico”, tornou-se na artista portuguesa que mais discos vendeu nesse ano (dados oficiais AFP). Para além de inúmeras participações em discos portugueses, gravou duetos com Ronan Keating e Michael Bolton, subindo ao palco do então Pavilhão Atlântico em julho de 2011, a convite do cantor norte-americano.

Em 2015, Rita Guerra foi jurada no programa da TVI “Rising Star”, uma experiência que já tinha vivido quando no final da década de 90 participou no programa “Chuva de Estrelas”.

Em 2016, a comemorar 30 anos de carreira, editou a biografia “No meu Canto” e cumpriu mais um sonho, o de ser acompanhada pela Banda da Força Aérea, com quem tem uma relação familiar e de grande admiração, trabalho que resultou em dois grandes concertos no Coliseu de Lisboa e Multiusos de Guimarães.

Em 2019, Rita Guerra aceitou o desafio de uma das rádios mais ouvidas do país, protagonizando “A Guerra na M80”, uma rubrica onde semanalmente cantou ao vivo êxitos escolhidos pelos ouvintes da M80, a partir de uma lista de temas cantados exclusivamente por cantores masculinos: Elton John, Bryan Adams, Kiss, Crowded House, Terence Trent D´Arby ou, a nível nacional, Rui Veloso, Santos e Pecadores ou Jorge Palma.

Já em 2020 voltou a surpreender tudo e todos, tornando-se a vencedora da 1ª edição de “A Máscara”, com transmissão na SIC. Durante semanas, os elogios desdobraram-se em torno da voz surpreendente e versátil do enigmático Corvo, batendo todos os recordes de audiência do serão de domingo à noite. Foi nas gravações do programa que lhe foi revelado o talento musical de João Paulo Rodrigues e ficou a promessa de trabalharem em conjunto. Chegou assim “Por Mim”, que tem autoria e produção do aclamado produtor nomeado para um Grammy Latino, Diogo Guerra, em parceria com Rui Carvalho; a letra tem assinatura de Diogo Guerra, Rita Guerra e Ivo Lucas.