Exposição: “Mulheres pescadoras de Portugal – passado e presente”

07 march 2020 até 11 april 2020
Biblioteca Municipal de Alcácer do Sal


A sala de exposições da Biblioteca Municipal de Alcácer do Sal vai ter patente a exposição de pintura “Mulheres pescadoras de Portugal – passado e presente”.

Da autoria de Stella Maris Vallejo, a mostra de pintura, organizada pela Câmara Municipal de Alcácer do Sal e com o apoio dos Seguros Mútua, vai ser inaugurada dia 7 de março (sábado), pelas 16h, e poderá ser visitada até 11 de abril, de segunda a sexta-feira, das 10h às 12h30 e das 14h30 às 17h.


BIOGRAFIA

Stella Maris Vallejo nasceu em Buenos Aires, Argentina. Possui uma forte ligação ao mar e a uma variedade de expressões artísticas desde terna idade. Todavia, a sua carreira profissional tomou outro rumo, tendo dedicado mais de três décadas às ciências naturais, mais especificamente ao planeamento integrado das zonas costeiras.

Após uma longa carreira internacional nas Nações Unidas (em Nova Iorque), tomou a decisão de residir em Portugal. Foi aqui que começou a pintar. Assume-se como uma pintora autodidata, que nutre um profundo respeito e admiração pela “gente do mar”. Dedica-se exclusivamente à pintura marítima, com particular interesse nos pescadores artesanais. O seu interesse pela pintura histórica fá-la desejar retratar na tela o passado riquíssimo das comunidades de pescadores em Portugal. Percorreu a costa de Portugal de norte a sul, bem como as ilhas dos Açores e da Madeira, para documentar o seu trabalho. Em cada viagem e em cada visita que realiza às comunidades de pescadores e pescadoras descobre um passado rico em experiências, em tradições e um presente dinâmico de constante transformação e evolução.

Stella Maris Vallejo realizou várias exposições individuais: expôs no Museu do Mar Rei D. Carlos, entre novembro de 2012 e março de 2013; na Livraria Sá da Costa, em março de 2013; na Biblioteca Municipal de Cantanhede e na Associação de Moradores da Praia da Tocha, em julho, agosto e setembro de 2014; e no Museu Etnográfico de Mira, em junho de 2016. Participou em várias exposições coletivas, nomeadamente, nas organizadas pela Academia de Marinha, nas Exposições (Bienais) de Artes Plásticas “O Mar e Motivos Marítimos”, e nas realizadas pelo Museu de Marinha nos anos de 2012, 2014 e 2016. Também participou em duas mostras de pintores argentinos em Portugal, organizadas pela Embaixada da Argentina em Portugal, nos anos de 2016 e 2017 respetivamente. Em maio de 2018, como parte das comemorações do Dia do Pescador, realizou uma exposição de pintura “Os Antigos Pescadores de Sesimbra – Pescadores de Ontem, de Hoje e de Sempre”, que retrata Sesimbra entre os anos 30 e 60 do século XX.

Stella Maris Vallejo pinta em acrílico sobre tela. Os seus quadros baseiam-se em fotografias tiradas pela própria artista ou em fotografias antigas, selecionadas em vários Arquivos Fotográficos Municipais, que muito gentilmente lhe providenciaram o apoio técnico e a sabedoria do local. Diz ela que “Pinta” o que vê, como o vê e como o sente”. Tem um especial interesse pelas cenas da vida quotidiana, as tarefas do dia a dia que tanto ocupam os pescadores como as respetivas famílias.

A pintora foi também convidada a ilustrar com suas obras a capa da revista Samudra Report - The Triannual Journal of the International Collective in Support of Fishworkers – n.º 68/agosto 2014, e n.º 73/abril 2016.