Alcácer do Sal celebra Bach de 20 a 22 de setembro

17 september 2019


É já esta sexta-feira (20 de setembro) que tem início o Festival “VIVA BACH”, que durante três dias vai celebrar a vida e a obra de J.S. Bach com a realização de quatro concertos, na Igreja de Santiago e uma mesa redonda, no Auditório Municipal de Alcácer do Sal.

“Aspiramos trazer o melhor ao concelho de Alcácer do Sal e Bach, nascido há mais de 300 anos na pequena localidade de Eisenach, da atual Alemanha, é um genial compositor, dono de um vasto legado que vale a pena conhecer e partilhar”, declarou Vítor Proença, presidente da Câmara Municipal de Alcácer, entidade promotora do evento.

A iniciativa conta com a participação de músicos de renome nacional e internacional. Tem início então no dia 20 de setembro, pelas 21h, na Igreja de Santiago com o concerto “Prelúdios e Fugas”, por Anna Magdalena Kokits (Áustria), no piano e Paul Gulda (Áustria), no cravo.

Para 21 de setembro estão agendados dois concertos na Igreja de Santiago: “As Épocas à Conversa”, às 16h, com Paulo Gaio-Lima (Portugal), no violoncelo, Duo Moving Sounds: Markus Stockhausen (Alemanha), no trompete e Tara Bouman (Alemanha), clarinete baixo; às 21h há “Concertos e Cantatas”, com os artistas Rosina Fabius (Holanda), Mezzo Soprano, Ana Pereira (Portugal), no violino e Camerata “Alma Mater” (Portugal).

No último dia, o Festival “VIVA BACH” arranca às 11h com a Mesa Redonda “A Universalidade de Bach”. A ter lugar no Auditório Municipal de Alcácer, conta com as participações de Vítor Proença (presidente da Câmara Municipal de Alcácer do Sal), Alexandre Delgado (Portugal), Rui Vieira Nery (Portugal), Ana Mafalda Castro (Portugal), Cristiano Holtz (Brasil), Sociedade Filarmónica Amizade Visconde de Alcácer e Sociedade Filarmónica Progresso Matos Galamba. Para terminar, às 16h decorre na Igreja de Santiago “Flauta de Bisel e Cravo”, um concerto protagonizado por António Carrilho (Portugal), na flauta e Cristiano Holtz (Brasil), no cravo.

O festival tem entrada livre e direção artística de Veronika Schreiber. Reúne os apoios de Antena 2, Museu Nacional da Música, Governo de Portugal – Cultura, Direção-Geral do Património Cultural, Pianos.pt, ANA – Aeroportos de Portugal, Comissão Fabriqueira da Igreja e Vinci Airports. Mais informações em www.cm-alcacerdosal.pt ou www.vivabach.pt.