Apresentação de propostas ao “Fundo de Transição Justa” até 21 de janeiro de 2022

28 december 2021


Até 21 de janeiro de 2022, as empresas do litoral alentejano podem apresentar as suas propostas de projetos que fomentem a reconversão da atividade económica ao abrigo do “Fundo para uma Transição Justa”, que tem por objetivos a redução do impacto da transição energética, através do financiamento da diversificação e modernização da economia local e da mitigação das repercussões negativas sobre o emprego.

Ante os desafios que o litoral alentejano enfrenta na sequência do encerramento da Central Termoelétrica a carvão de Sines, as empresas dos concelhos de Alcácer do Sal, Grândola, Santiago do Cacém, Sines e Odemira podem submeter 'online' as suas propostas através de formulário eletrónico disponível no site do Balcão 2020 (https://balcao.portugal2020.pt/).

Estes projetos devem: contribuir para a diversificação, modernização e reconversão da economia; promover a expansão de novas indústrias e serviços de apoio à transição climática e energética; fortalecer a inovação; ser geradores de emprego. Serão também considerados os investimentos na implantação de tecnologias, sistemas e infraestruturas para energias limpas a preços acessíveis.