Câmara Municipal de Alcácer do Sal terminou 2020 com saldo positivo de 5.1 milhões de euros

28 may 2021


A Câmara Municipal de Alcácer do Sal terminou o ano de 2020 com as contas em dia, um saldo positivo superior a cinco milhões de euros e o prazo médio de pagamento a fornecedores de 26 dias. Os dados constam do documento de Prestação de Contas 2020, que foi ontem (27 de maio) aprovado em reunião de Câmara e que vai ser posteriormente submetido a apreciação na Assembleia Municipal.

2020 foi um ano atípico e desafiante ante a pandemia. “Foi com um enorme sentido de responsabilidade e prudência que este Executivo desenvolveu todo um trabalho em prol da sua população, sempre com o propósito de amenizar uma situação tão difícil para todos. Apesar de todas as contingências da Covid-19, a autarquia não descurou os grandes projetos em andamento e continuou a apostar nas grandes obras. Garantiu também uma boa e rigorosa gestão, mantendo em dia, dentro dos prazos, os pagamentos a fornecedores e garantindo o pagamento atempado aos trabalhadores do Município”, defendeu o presidente da Câmara Municipal de Alcácer, Vítor Proença, para quem este relatório espelha “o cumprimento dos compromissos assumidos, não poupando esforços nos cuidados em prol dos munícipes, mesmo nas situações mais adversas”.

De acordo com a Prestação de Contas 2020, o conjunto das Receitas Municipais registou um incremento de 18,2% face a 2019, correspondentes a cerca de 3,8 milhões de euros. Os principais contributos resultaram do aumento das receitas do IMI (mais 500 mil euros), do IMT (mais 900 mil euros) e de transferências de fundos comunitários (mais 1.600.000,00 euros).

A despesa, comparativamente com o ano de 2019, subiu 1,9 milhões de euros, tendo decrescido em correntes (4%) e crescido em capital (93,8%) em virtude dos vários investimentos em obras e empreitadas. Os compromissos assumidos e não pagos já faturados caíram 1/3 face a 2019.

A taxa de execução da receita foi de 91,6%, enquanto a taxa de execução da despesa correspondeu a 72,7%. O saldo de gerência em 2020 foi de 5.1 milhões de euros, um saldo bastante positivo, que revela um aumento da receita. A dívida total municipal, comparativamente a 2019, desceu 7%, mantendo Alcácer do Sal uma posição cómoda quanto às matérias relacionadas com os limites fixados para 2020.