OPÇÕES CONSTRUTIVAS - PROJETAR O CONCELHO

16 december 2020


1. Ao findarmos o ano de 2020, apresento a toda a população votos de um Bom Natal e de um Ano Novo muito melhor do que o que agora termina.

 

2. Atingidos por esta pandemia, saliento o facto da vida económica no nosso Concelho não ter estagnado. Para além de fantásticas respostas por parte da Saúde, das IPSS´s, da Proteção Civil, do Comércio e da pronta resposta da Câmara, recordo que os fortes investimentos nunca pararam.

 

3. Hoje o nosso Concelho conseguiu atrair novos investimentos privados: mais de mil hectares em plantações de hortícolas, duas grandes produções de relva, entre outros, que se vêm juntar aos valiosos investidores que cá estão, a produzir e a criar emprego.

Hoje há mais hotéis no nosso território e outros em fase de projeto. Isto acontece porque os conseguimos atrair, acrescentando o alojamento à oferta turística já existente. Duas fábricas novas escolheram o nosso Concelho para se fixar e com elas aumentará o emprego.

Hoje os nossos produtores de vinhos apresentam-se no mercado com marcas de altíssima qualidade, estando ao nível dos melhores do mundo. Estamos a acompanhar outros investimentos: o Centro Náutico do Torrão, a reabilitação do ex-Cineteatro/Campino, centenas de novas camas turísticas na Comporta e a operação de reabilitação urbana no Torrão.

 

4. Os investimentos da Câmara têm sido enormes. Substituímo-nos ao Governo, investindo numa nova extensão de saúde em Palma. Estamos a apostar forte na qualificação do Parque de Feiras e Interface de Transportes. Iniciaremos, em 2021, novos transportes urbanos e investimos na nova ETAR da Comporta com um sistema avançado de tratamento. Investimos cerca de um milhão de euros na Educação, sem esquecer as grandes obras de recuperação da Oficina da Criança e da Escola dos Telheiros. Foram executadas obras inadiáveis, como 12 ruas no Torrão, as infraestruturas em Foros de Albergaria, o Cais Palafítico da Carrasqueira e a estrada Carrasqueira – Possanco. Também a reabilitação do Centro Histórico de Alcácer avança gradualmente.

 

5. Contudo, enquanto o município avança e progride há quem se ocupe em lançar suspeitas e calúnias, como recentemente aconteceu com um comunicado do PS de Alcácer do Sal com o título “Alcácer a Saque!!”, onde foram lançados ataques à minha pessoa e às opções municipais.

 

6. Na parte que nos toca, asseguro que continuaremos na rota de contas em dia e de muito investimento. Se o PS local se ocupa de mim, e da equipa que me acompanha, é sinal de que estamos no bom caminho. Em novembro de 2020, apresentamos menos 5 milhões de euros de despesa, comparativamente com os 23 milhões de euros de receita. Neste momento, estamos a pagar aos fornecedores em 15 dias. Apresentamos, nos últimos 6 anos, um elevado saldo positivo nas nossas contas. Não temos pagamentos em atraso e não temos dívida escondida.

 

7. Tanto a minha pessoa, como a equipa e os valiosos técnicos que nos acompanham, tivemos a capacidade de angariar quase 10 milhões de euros de financiamentos comunitários a fundo perdido. E se pretendemos vender um terreno em Brejos da Carregueira é para gerar mais desenvolvimento e criar mais receitas para fazer obras. Em Brejos foi o PS quem criou um Plano de Pormenor para vender lotes. Hoje critica-nos porque estamos a fazer o que a gestão PS tentou, mas não conseguiu fazer.

 

8. Apesar das dificuldades que nos atingem a todos, apesar de não conseguirmos milagres, continuaremos a trabalhar afincada e seriamente para termos um concelho melhor, mais atraente e inclusivo onde todos possam viver condignamente.

 

O Presidente da Câmara Municipal,

Vítor Proença