Plataforma de apoio às empresas do Alentejo Litoral arranca hoje

Um projeto dos cinco municípios que integram a CIMAL, com a colaboração da Deloitte

19 may 2020


Mitigar ao máximo os efeitos que os empresários do Litoral Alentejano estão a sentir num momento de crise provocada pela pandemia COVID-19 apresenta-se como o principal objetivo do programa de apoio às micro, pequenas e médias empresas, que arranca hoje (dia 19 de maio) com a abertura da linha telefónica gratuita (800 100 235) de atendimento para o registo dos pedidos das empresas. Trata-se de uma plataforma inovadora, criada pelos municípios de Alcácer do Sal, Grândola, Odemira, Santiago do Cacém e Sines, numa parceria com a Comunidade Intermunicipal do Alentejo Litoral - CIMAL e a consultora Deloitte.

“É a primeira vez que a CIMAL avança com uma iniciativa deste tipo, a fim de apoiar os nossos empresários, particularmente as PME´s”, explica Vítor Proença, presidente da CIMAL e do município de Alcácer do Sal. “O Litoral Alentejano é a sub-região do país que detém o primeiro lugar em produtividade por habitante. A economia, particularmente as microempresas e as PME´s que foram muito afetadas. Esta iniciativa, esta plataforma colaborativa, é um forte sinal dos municípios no relançamento da economia da região", afirma o autarca.

O programa, que pretende auxiliar as empresas na tomada de decisão e implementação de medidas de resposta durante todo o ciclo de gestão de crise, inclui um vasto conjunto de serviços especializados. As empresas irão contar com uma equipa multidisciplinar que irá divulgar informação sobre obrigações fiscais e incentivos disponíveis, fornecer informação sobre Direito do trabalho e empresarial, propor medidas de emergência a aplicar de imediato, identificar medidas de curto-prazo que permitam operar o negócio e recomendar medidas que visem retomar a normalidade dos negócios.


linha de apoio CIMAL