Câmara Municipal procedeu à reabertura da Piscina Municipal Coberta de Alcácer do Sal

05 março 2022

Um conjunto de atividades promovido pelo Município de Alcácer assinalou hoje (dia 5 de março de 2022), a reabertura da Piscina Coberta Municipal de Alcácer do Sal. O acontecimento, que teve a presença do executivo municipal permanente, contou com a participação musical da Sociedade Filarmónica Amizade Visconde d’Alcácer e da Sociedade Filarmónica Progresso Matos Galamba, tendo depois havido lugar a uma demonstração de Natação Artística pelo Clube Aminata de Évora e uma aula Sénior pelo Projeto Exercício Físico e Saúde (Hidro +65). Estiveram também presentes representantes de um conjunto de entidades e associações do concelho de Alcácer do Sal, e também da União das Freguesias de Alcácer do Sal e Santa Susana.

O presidente do Município, Vítor Proença, referiu na sua intervenção que a reabertura da Piscina foi “um ato muito importante, num equipamento formidável, que tinha que ser reabilitado”, acrescentando que a mesma “marca a saída de um período de receios provocado pela crise pandémica” tendo “a vida saudável como grande foco”. Prosseguiu, recordando que esta obra de renovação deu seguimento “a duas outras grandes intervenções que já tinham sido feitas pela Câmara Municipal na piscina” uma com a “instalação de um sistema de tratamento de radiação ultravioleta, que diminuiu em muito a quantidade de cloro presente na água” e de uma Unidade de Tratamento de Ar - UTA, um “sistema de renovação de ar que também melhorou a habitabilidade dentro daquele espaço”. Para concluir, o presidente vincou o facto de “a resiliência e esforço” do executivo municipal ter sido “determinante para que o financiamento que permitiu a realização da obra fosse obtido e para que a mesma fosse executada dentro dos prazos”.

Esta obra resultou da necessidade de se proceder à reabilitação das instalações deste equipamento desportivo, respondendo ao estado de progressiva degradação que decorre da antiguidade e intensidade de uso deste equipamento. A empreitada de renovação contemplou as seguintes intervenções: pequena ampliação do edifício, nomeadamente com a construção de um posto de primeiros socorros; alargamento de vários vãos existentes, com vista a garantir uma melhor iluminação natural; substituição das caixilharias exteriores por novas com corte térmico e vidro duplo, com vista a um maior conforto térmico e acústico; intervenção no pavimento envolvente ao tanque, para melhoria das condições de mobilidade interior; substituição da cobertura e estrutura existentes; melhoria das condições de acessibilidade ao edifício; melhoria das condições dos espaços interiores, nomeadamente das zonas comuns e balneários, por questões de mobilidade, segurança contra incêndios e saúde; reabilitação e substituição das infraestruturas de iluminação; instalação de infraestruturas de telecomunicações ITED no edifício.

A obra, que representou um investimento da Câmara Municipal na ordem dos 516 mil euros, foi comparticipada por fundos da União Europeia em 440 mil euros a fundo perdido, obtidos pelo executivo camarário.

Prevê-se que a Piscina Coberta possa reabrir ao público dentro de poucos dias, estando a abertura apenas dependente da certificação sanitária externa. Esta ação é indispensável para que possam estar reunidas todas as condições de segurança para todos os que queiram usufruir da nova piscina.