CALÇADA ROMANA, TORRÃO

Situada a cerca de 1km a norte da vila do Torrão, corresponde ao troço de uma antiga via romana. Está-se na presença de um troço bastante bem conservado, de calçada romana, com cerca de 400 metros de comprimento. Na sua construção foi utilizada pedra da região.

Está orientada N/S, fazendo parte da estrada que ligava Pax Iulia (Beja) a Ebora (Évora) - Itinerário XII. .

José d’Encarnação sugere que o marco miliário descoberto na villa romana do Porto da Lama pertenceria à via romana “Salacia-Ebora”.

Trata-se de um miliário em mármore, dedicado aos dois imperadores, Constâncio Cloro e Galérico, césares a partir de 293 – 305 d.C. Pertencia à via “Olisipo-Salacia –Ebora”.

O acesso para o Pax Iulia seria efetuado através de uma ponte construída sobre o Xarrama, conhecida na vila do Torrão pela Ponte da Calçadinha Romana e que, segundo André de Resende, dataria do séc. V d.C. .

Esta via foi aberta em base nivelada, sobre terra batida coberta por camada de pedra talhada com inclinação para escoamento de águas. O seu percurso é quase retilíneo, sendo delimitada por seixos grandes colocados em paralelo ao longo da calçada. A parte central é constituída por fiadas de pedras achatadas de diferentes calibres, com pequenos seixos, cascalho e terra no meio das pedras maiores.


Estado de conservação: Razoável