Por todo o concelho de Alcácer do Sal é fácil encontrar pessoas que digam ter tido um encontro com a famosa luz da caniceira, uma luz serena e muito brilhante que surgia de noite, em locais isolados, acompanhando as pessoas ao longo dos seus percursos. Estas estranhas aparições deram origem à lenda da luz da caniceira.


De acordo com a lenda, uma mulher solteira teve uma filha ilegítima. Não querendo ficar com a bebé, lançou-a ao forno onde cozia o pão. A alma da menina recém-nascida ter-se-á então transformado numa luz - a luz da caniceira. 


Outra versão da história afirma que a luz é a alma de uma pessoa a quem foi rogada uma praga.


Conta-se que, na Herdade de Palma, um homem andava a cavalgar quando viu a luz. Atemorizado, praguejou contra o fenómeno. De imediato o cavaleiro terá sentido uma bofetada que lhe deixou na cara a marca de uma queimadura.